Arquivo para world music

Discoteca: Os Mutantes – Os Mutantes

Posted in Cultura Pop, Música with tags , , , , , on setembro 10, 2008 by Jonatas

Ano: 1968

01) Panis Et Circenses

02) A Minha Menina

03) O Relógio

04) Adeus Maria Fulô

05) Baby

06) Senhor F

07) Bat Macumba

08) Le Premier Bonheur Du Jour

09) Trem Fantasma

10) Tempo no Tempo (Once Was a Time I Thought)

11) Ave Genghis Khan

O Brasil para o mundo era sinônimo de carnaval, praias, futebol e belos corpos naquela época (E não mudou nada ainda hoje). Mas no final da década de 60 a coisa mudou. Alguns jovens com influência de hippies e de músicas que haviam escutado em São Francisco ou Londres, distorceram toda a música popular brasileira, introduzindo levadas rock, blues e jazz, e até mesmo reaggea e folk nas composições brasileiras. Óbvio que isso irritou completamente os políticos de direita, esquerda e centro, que comandavam a ditadura no país nesse período. Essa distorção ficou conhecida como Tropicalismo.

Os Mutantes surgiram no centro desse turbilhão. Músicas distoantes que misturam um pouco de tudo, e até mesmo efeitos eletrônicos, compõem um dos melhores discos brasileiros já produzidos. Até hoje escutamos diversas canções desse disco nas  vozes de outros artistas como a banda Relespública, Marisa Monte, Pato Fu e outros. Sua música pop e ao mesmo tempo experimental ganhou o mundo e virou referência. Perto de artistas revolucionários da época, como Chico Buarque, Caetano Veloso e Gilberto Gil, não parece ter muita força… Mas entrelinhas esconderam um mundo maravilhoso que marcou a história.

Confere ai a Rita Lee novinha ;~

Anúncios

00’s: Matisyahu

Posted in Cultura Pop, Música with tags , , on setembro 1, 2008 by Jonatas

Matthew, mais conhecido pelo codinome Matisyahu é um americano de 29 anos, judeu e compositor das mais belas canções reaggea e hip-hop que eu já ouvi. Claro que não dá para comparar com um mito como Bob Marley, mas com certeza esse é um dos caras que mais chegou perto de compôr coisas tão belas dentro do gênero.

Por muito tempo Matthew foi viciado em drogas, até que um belo dia, no Colorado, teve uma visão. Era G-d (Deus). Não sabia se aquilo era fruto de mais uma “viagem” ou se era real, mas de fato o acontecimento abalou suas estruturas. Largou as drogas, foi para Israel. Voltou extremamente influenciado por sua religião e cheio de pensamentos sobre como a vida poderia ser melhor. Também carregava sobre seus ombros o peso do mundo, das guerras, da fome, das drogas… Então decidiu descarregar todo esse peso em música.

Sempre fora muito fã de reaggea e hip-hop. E bom, deu no que deu: algo fantástico, extremamente original, de uma interpretação edificante, repleto de fé e espiritualidade. Ótimas mensagens que levam à ótimas reflexões.

E ainda dizem que vivemos em uma década musicalmente sem criatividade…..

00’s: M.I.A

Posted in Cultura Pop, Música with tags , , , , , , , on agosto 29, 2008 by Jonatas

M.I.A foi a grande responsável por colocar o Sri Lanka no mapa mundial. Vinda de um lugar pobre, cheio de corrupção, guerra civil e preconceito, tinha muito para falar ao mundo. Bastou conhecer o DJ Diplo que se tornou seu namorado, ter algum acesso à música mundial e pronto, tinha em mãos um coquetel de sonoridades atípicas. Em 2005, o mundo dançou M.I.A. O hit “Bucky Done Gun” ganhou o público com uma mistura de ragga jamaicano, rap, funk-carioca (isso MESMO), electro e fortes composições carregadas de política, mortes, guerras e claro, amor. No mínimo muito exótico.

E ai veio esse novo disco, o Kala. E dentro dele veio a polêmica canção “Paper Planes”. Polêmica por causa do refrão, que mistura vozes de crianças, tiros e o barulho típico de dinheiro (aquele das caixas registradoras saca?). E a letra é mais ou menos assim: ” All I wanna do is (BANG BANG BANG BANG!), And (KKKAAAA CHING!), And take your money”.

Ok, foi o suficiente para os países de ‘primeiro mundo’ desconfiarem que ela apoia o terrorismo. E também o suficiente para cancelarem os shows dela pela Inglaterra e ainda a proibir de entrar no país. Hoje a cantora disse à Entertainment Weekly que não se importa, afinal pretende rumar para o cinema e abandonar a música. Uma pena, acho ela bastante talentosa…
Confere o clipe da música polêmica ai ;)

Goodbye System Of a Down

Posted in Música with tags , , , , on agosto 15, 2008 by Jonatas

Quem ainda sonhava e acreditava com um retorno da banda System Of a Down e seu metal-arábico, pode esquecer. Malakian, o grande braço criativo do SOAD, juntou-se ao baterista Dolmayan e criou um novo projeto chamado Scars On Broadway. Segundo os caras, não existem intenções de voltarem à antiga banda para um novo disco ou sequer algum show, e também afirmaram ter deixado isso no passado. Ninguém sabe se rolou algum conflito interno para o término da banda e muitos estranham a separação. Quem acompanha sabe também que o antigo vocalista do System, Serj Tankian, está em carreira solo e já lançou um disco.

Achei o projeto Scars On Broadway bem legal na minha primeira audição. Porém, não esperem nada parecido com SOAD. Apesar de pesado, o som não tem nada arábico, lalalás e coisas bizarras do gênero. É um som bem politizado e soa como uma bofetada, mesmo com o vocal agudo e desafinado de Malakian.

E maaaaaaano, pega esse visual!!! Tá parecendo um terrorista gordinho, misturado com Rob Zombie. Medo do Malakian o.o’

Dá uma conferida no som ai e me adiciona no Twitter ;)