Arquivo para darkwave

00’s: The Bravery

Posted in Cultura Pop, Música with tags , , , , on outubro 20, 2008 by Jonatas

Banda de rock alternativo da cena nova-iorquina, foi uma figurinha carimbada nas paradas do mundo todo com seus hits “An Honest Mistake”, “Fearless” e “Unconditional”. No começo de 2007 lançaram um novo disco que não emplacou tanto quanto o disco de estréia e que consequentemente retirou-os da grande mídia.

Com uma pegada dançante e ao mesmo tempo soturna, produzem canções alucinantes e memoráveis, daquelas que não saem da cabeça. As influencias de bandas como The Cure e Depeche Mode são claramente explícitas.

Não conhece??? Escuta ai “An Honest Mistake”

Agora compara com o single mais recente, “Believe”:

Anúncios

Discoteca: Depeche Mode – Violator

Posted in Random with tags , , , , , , , on outubro 15, 2008 by Jonatas

01) World In My Eyes
02) Sweetest Perfection
03) Personal Jesus
04) Halo
05) Waiting For the Night
06) Enjoy the Silence
07) Policy Of Truth
08) Blue Dress
09) Clean

O Depeche Mode nunca quis alcançar a massa, mesmo quando lançou o disco Music For the Masses. Faziam músicas introspectivas, delicadas, sobre experiências pessoais e temas complexos como religião, imoralidade, pecados e incestos. Tudo regado a fortes levadas eletrônicas e experimentais que chegavam a distoar com o darkwave proposto por Martin Gore e David Graham. E esse disco, que levou a banda ao estrelato era o mais introspectivo de todos os lançados até o início dos anos 90.

Ainda hoje vemos milhares de bandas fazendo covers de “Personal Jesus” ou “Policy Of Truth”. Existem dúzias de remixes de “Waiting For the Night” e “Enjoy the Silence”. Até mesmo “Clean”, uma faixa depressiva semelhante à obras clássicas do Pink Floyd, ainda é uma das músicas mais baixadas na internet.

Violator é um disco curto, porém excencial. Ele mostra o grupo no auge de seu sucesso e criatividade, explicitando como algo pode se tornar um clássico e permanecer depois de tantos anos atual.

Dia e Idade

Posted in Cultura Pop, Música with tags , , , on agosto 27, 2008 by Jonatas

Brandon Flowers, vocalista do bom grupo alternativo The Killers, anunciou o título do próximo disco da banda, que será “Day and Age”, programado para ser lançado em novembro.
Pra quem não conhece, a banda fez alarde em 2004 com o sucesso inesperado do disco de estréia “Hot Fuss” com algumas baladas chicletinhas como “Somebody Told Me” e “Mr. Brightside”. Já em 2006, o segundo disco da banda gerou estranheza nos fãs e críticos. A banda mostrou uma musicalidade muito mais apurada e diferente da apresentada no disco anterior. As faixas bem mais soturnas e complexas não ganharam o topo das paradas como no disco anterior.

Depois disso vieram algumas canções extremamente oitentistas, que incluia uma parceria com o ex-vocalista da banda Velvet Underground e um cover de Joy Division.

Ano passado fizeram apresentações no TIM Festival, encerrando o mesmo.

Agora é esperar para ver como será esse novo álbum! Até lá, curtimos “Shadowplay”, último single lançado pela banda, que compõe a trilha sonora do ótimo filme Control.

00’s: The Black Ghosts

Posted in Música with tags , , , on agosto 19, 2008 by Jonatas

Nessa coluna irei postar informações sobre bandas novas legais pro povo parar de dizer que ninguém lança nada bom ultimamente. Pra começar os Black Ghosts.

The Black Ghosts é uma dupla inglesa de electropop que lançou uma série de singles promissores na internet e que recentemente lançou um disco carregado de personalidade e inovação de título homônimo. A banda trás singles cheios de referências à bagagem cultural de seus criadores. As letras sombrias e enxarcadas de um horror fantástico trazem citações de Edgard Allan Poe e até violinos distorcidos, tudo bem misturado com samplers de Atari e outros efeitos eletrônicos embasbacantes. Uma nuvem gótica paira sobre a música eletrônica maligna criada pelo duo.

Mas não espere nada muito dark, do mal, pra dançar com as paredes. Todas as canções trazem uma energia incrível e dançante. Ninguém consegue ficar parado, a menos que seja blazé demais para isso.

Para conhecer o material dos caras, basta entrar no MySpace ou no site oficial.