Archive for the Cultura Pop Category

Hoje é Dia Mundial do Rock…

Posted in Aleatórios, Cultura Pop with tags , , , on julho 13, 2010 by Jonatas

Let’s dance with the devil \m/

O Poeta Não Morreu

Posted in Aleatórios, Cultura Pop with tags , , , , on julho 7, 2010 by Jonatas

Há exatos 20 anos morria Cazuza, um dos melhores compositores brasileiros da história e importante ícone do rock nacional. Portador do vírus da AIDS, o cantor foi um dos primeiros a reconhecer publicamente a doença e passou seus 3 últimos anos de vida buscando tratamentos alternativos que prolongassem sua existencia. Em vida, lançou 10 discos sendo 5 deles em conjunto com sua antiga banda Barão Vermelho.

Acredito que seja necessário propagar obras como as de Cazuza para as novas gerações que gostam dessas porcarias aleatórias atuais, que chamam de música. Restart e Cine com suas roupas coloridas não são música. Música é outra coisa, isso é estupidez.

Não existem mais caras que vivem ao extremo como Cazuza viveu. O sexo era com qualquer um, mesmo assumindo sua homossexualidade. As drogas eram todas, e se possível um pouco mais. O rock’n’roll era MPB também. E tudo era feito com muita intensidade e genialidade. Ouvir um pouco do que esse cara cantava é no mínimo necessário. As canções são atemporais, ainda hoje se encaixam com a realidade. “Ideologia”, “Exagerado”, “O Tempo Não Pára”, “Eu Queria Ter uma Bomba”… Impossível não gostar de pelo menos uma dessas canções. E são canções pra toda a vida.

Se você não consegue gostar disso, não merece meu respeito hehe xD

Vampiros que Brilham e a Música

Posted in Cultura Pop, Filmes, Música, Vídeos with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on julho 1, 2010 by Jonatas

A  saga Crepúsculo escrita por Stephenie Meyer pode ser uma das piores coisas que surgiram nessa década. Um folclore fraco que distorce todas as mitologias vampirescas que surgiram pela história para agradar mulheres adolescentes com doses cavalares de romance brega, dramalhão e mágica. Adicione um lobisomem sentimental no meio disso e pronto, você tem a fórmula perfeita para vender milhões de livros para pessoas carentes, ser procurada por Hollywood e ganhar uma série de filmes ruins com atores de segunda e efeitos especiais primários que vão gerar mais alguns milhões de dólares, claro.

Entretanto, no meio de todo esse carrossel bizarro, alguns empresários bacanudos de perspicácia aguçada encontraram uma ótima oportunidade de mercado para aquecer o cenário musical: a trilha sonora.

A maior parte dos blockbusters americanos não possuem uma trilha sonora para vendas de grande relevância. Só existe um bom investimento nesse segmento quando as críticas prévias apontam que as bilheterias serão um fracasso, colocando as trilhas como forma de recuperar parte dos investimentos iniciais (caso de filmes como Freddy Vs. Jason, cuja trilha rendeu mais de 30 milhões pelo mundo, enquanto na estréia o filme não arrecadou nem 8 milhões). Mas no caso de Crepúsculo (que lançou seu terceiro filme nos cinemas essa semana, chamado Eclipse) a coisa funciona diferente… A trilha caminha junto com o filme. Desde o primeiro longa há um investimento muito grande e uma seleção rígida de artistas para compôr a trilha. Devido ao sucesso da série, a produtora sequer precisou convidar músicos para participar. Os músicos procuraram (e continuam procurando) a produtora praticamente implorando sua inclusão no disco.

Esse fênomeno cultural desencadeou em uma das trilhas sonoras mais diversificadas e rentáveis da história. Uma mescla de mainstrain e underground que funcionou bem atingindo públicos diferentes, vendendo muito e alcançando o topo das paradas de vendas por muitas semanas consecutivas.

As trilhas vão de Paramore à The Black Ghosts, de Thom York à Death Cab For Cutie. A banda Muse participou das três trilhas (o que levou-os ao topo das paradas americanas e reconhecimento mundial). O compositor Beck se inspirou e criou uma canção para um dos personagens, por livre e expontânea vontade, e convidou a banda Bat For Lashes para produzi-la com ele (música no final do post). E até mesmo algumas participações completamente inusitadas como da banda junkie de garagem Black Rebel Motorcycle Club ou do projeto paralelo e sombrio de Jack White, o The Dead Weather, deixa pessoas como eu  de boca aberta. Não dá para negar que esses discos são golpes de mestre!

Nesse momento, Harry Potter deve estar se contorcendo de raiva por não ter seguido por um caminho semelhante.Moral da história: O filme pode ser ruim, mas a trilha sonora (nesse caso) compensa.

Brandon Flowers e o Flamingo

Posted in Cultura Pop, Música, Novidades with tags , , , , , , , , , , on junho 29, 2010 by Jonatas

Enquanto o The Killers está de férias por tempo indeterminado, o vocalista e principal compositor da banda Brandon Flowers resolveu encarar uma empreitada solo. O primeiro disco do rapaz deve ser lançado em setembro lá na gringa. Entitulado Flamingo, o disco trará algumas referencias musicais diferentes, passando por músicas latinas, brega oitentista e electro europeu. Já é possível escutar o primeiro single no site oficial de Flowers. A faixa chamada “Crossfire” tem um quê de U2 e Queen, e mostra que o vocalista do Killers está preparado para abraçar as rádios de pai, como a Alfa FM. Apesar de extremamente amadurecido, o som soa um pouco velho e empoeirado como Rod Stewart.

Apesar da investida solo, o The Killers já pensa em voltar para os estúdios para compôr o sucessor de Day & Age, de 2008.

Show especial do Franz Ferdinand!

Posted in Cultura Pop, Música, Shows on setembro 11, 2009 by Jonatas

OUT961196

Parece que além da apresentação no VMB2009, os caras do Franz Ferdinand farão uma apresentação fechada para mil pessoas em um local ainda mantido em segredo. A produtora Day 1 venderá 500 desses para o público por um valor exorbitante. Já os demais ingressos serão distribuidos para convidados especiais (Que provavelmente nem conhecem a banda direito, mas trabalham com pessoas “relevantes”).

Vamos fazer um bolão pra ver quem descobre quais famosos aparecerão naquela coluna estilo Caras da revista Rolling Stone, que cobre os eventos e mostra as fotos mais “interessantes”?

This Is It

Posted in Cultura Pop, Filmes, Música with tags , on setembro 10, 2009 by Jonatas

michael-jackson-this-is-it-poster

Bonitão esses cartaz de divulgação né?

O documentário This Is It trás os bastidores da produção e últimos ensaios para a tounê londrina que o Rei do Pop faria ainda em 2009. Com cenas inéditas e making of, promete ser um prato cheio para os fãs de Michael Jackson. Segundo rumores, é possível que esse seja o longa com menor tempo de produção na história! Não acredito nessa informação, mas não custa nada registrar hehe…

A estréia está prevista para outubro nos EUA. Por aqui ainda não temos previsão ;)

Overdose de Beatles

Posted in Cultura Pop, Música with tags , , , , , on setembro 10, 2009 by Jonatas

All

Enquanto a Rolling Stone continua fazendo suas capas feias pelo mundo todo, a NME lançou uma ousada edição especial sobre os Beatles com nada mais, nada menos que TREZE capas diferentes. Cada capa traz um dos discos memoráveis da carreira dos “Fab Four”.

Com o lançamento do novo game Rock Band: Beatles, o grupo (que alguns consideram a melhor coisa do mundo) voltou a se destacar na mídia e principalmente nas redes sociais. O que é bom para a grande maioria que não tem cultura nenhuma. Gostando ou não de Beatles, o mínimo que cada ser humano deveria saber é que eles revolucionaram a música, foram arrogantes ao extremo e ainda assim contribuiram com algumas coisas muito boas! (Desculpem, eu sou adepto aos Rolling Stones e só considero os Beatles uma banda legal apenas hehe).

Bom também para bandas menores que saem nessas capas como “notícia-destaque”, caso dos debutantes do The Big Pink que estarão nas prateleiras de todo e qualquer beatlemaníaco britânico.

Agora, se você é brasileiro e beatlemaníaco e quer ter todas essas capas na sua coleção, prepare-se: Revista importada é uma facada no pâncreas e difícil de encontrar. Dá pra adquirir todas em aeroportos e bancas especializadas pela bagatela de R$32,90 cada ok? Largue seu salário com o jornaleiro e seja uma pessoa feliz, beijos ;*