Arquivo para junho, 2010

2010’s: How to Destroy Angels

Posted in Música, Novidades, Vídeos with tags , , , , , , , , , on junho 23, 2010 by Jonatas

Uma mente brilhante não consegue ficar parada. Após anunciar o fim do Nine Inch Nails (uma das melhores bandas que já passaram por esse planeta), Trent Reznor não conseguiu manter-se em sua “aposentadoria”. Juntou sua talentosa (e linda) esposa Mariqueen Maandig (ex-vocalista da banda West Indian Girl) e um amigo multitarefas para formar um sombrio trio de industrial: o How to Destroy Angels.

A novidade viralizada através de um teaser em seu site oficial que foi anunciada por todas as redes sociais de grande circulação tornou-se um dos tópicos mais comentados da blogosfera por carregar o nome do antigo vocalista do NIN, deixando os fãs extremamente ansiosos para o lançamento desse novo projeto.

Recentemente, um EP com sete faixas foi disponibilizado para download gratuito no site. Com frases sequenciais de batidas secas e um vocal de melodia angelical (sem trocadilhos) as canções surpreendem pela simplicidade e fixação que preenchem o ambiente com uma sonoridade carregada, deprimente e de certa forma, angustiante. Apesar da semelhança gritante, fica evidente que os projetos anteriores do casal são apenas referencias para esse novo petardo musical. A melancólica “A Drowning” já é uma das faixas mais bonitas do ano com seu refrão caótico que lobotomiza a mente.

O primeiro single “The Space in Between” ganhou um clipe com cheiro de morte e muito suspense que vale a pena ser conferido!

Um refrescante vento pestilento para o ano colorido do rock ;P

Se quiser conhecer melhor o trio, entre no site e baixe gratuitamente o EP de estréia ou acesse o MySpace para ouvir online algumas das faixas.

A Volta do Bush

Posted in Música, Vídeos with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on junho 22, 2010 by Jonatas

Depois da ressurreição do Alice In Chains e Stone Temple Pilots diversas outras bandas expressivas dos anos 90 voltaram à tona, como Hole, Soundgarden, Rage Against the Machine, Smashing Pumpkins e até mesmo (pasmem) Guns’n’Roses. Logo, podemos esperar ai mais algumas reaparições e essa do Bush era completamente previsível.

O término da banda nunca ficou muito claro. Não houveram conflitos internos. Os integrantes apenas tinham interesses individuais. Alguns queriam produzir, outros queriam seguir em frente com a suas vidas em outras áreas ou simplesmente dedicar mais tempo à família. Caso esse do vocalista Gavin Rossdale (citado no post anterior) que na época namorava com a vocalista do No Doubt, Gwen Stefani, e tinha pretenções de casar e reproduzir (coisa que conseguiu fazer e perdura até o dia de hoje). Com o tempo Gavin fez uma investida solo para trilhas sonoras de filmes (“Adrenaline”, por exemplo, hit responsável pela venda absurda da trilha sonora do Triplo X), montou uma nova banda (Institute) e até chegou a atuar em filmes (o papel mais relevante foi o do híbrido demoníaco Baltazar em Constantine). Mas nada disso chegava aos pés do que um dia foi o Bush

Na década de 90 o Bush era supremo. Eram topo nas paradas da MTV e Billboard, gigantes nos palcos de festivais e donos de alguns dos singles mais memoráveis do pós-grunge. Até hoje nos EUA, é uma das bandas mais tocadas nas rádios perdendo apenas para Pearl Jam e Nirvana. Mas ai eles resolveram parar e todo aquele prestígio aparentemente ficou tímidamente escondido atrás de jovens bandas que evidenciavam a influencia da banda em suas canções. Mas ontem, Gavin Rossdale anunciou em seu Twitter que o Bush está de volta oficialmente

Não é uma surpresa, mas é uma ótima notícia! E podem ter certeza que a banda da sua esposa em breve voltará a atividade também. E eu aqui, particularmente, torço para que o Garbage também se reuna aproveitando essa onda noventista em pleno 2010.

Você não conhece Bush? Claro que conhece. Pode não lembrar, mas conhece. Em todo caso, joga ali no YouTube que tem muita música deles no gatilho. Aqui eu deixo só um gostinho do poder sonoro desses caras com o primeiro hit que escutei deles na MTV no meio da minha puberdade.

Música para Ouvir com os Olhos

Posted in Random, Vídeos with tags , , , , , on junho 21, 2010 by Jonatas


Essa é uma sacada genial da revista Esquire para divulgar sua “capa do mês” na internet!

Aproveitando que a capa em si é a polêmica modelete Daisy Lowie, espécie de namoradinha do rock na Europa, filha de rockstar (no caso, Gavin Rossdale, vocalista do Bush, que não é assim tão rockstar mas enfim…) e extremamente, ahm… extrovertida, a revista criou um vídeo viral da garota dançando com diversas trocas de (pouca) roupa durante o set fotográfico.

Mas o lance não é só esse: A música que trilha o vídeo também é um lançamento exclusivo da revista. A faixa se chama “Tiger” e é o primeiro trabalho solo do David Sitek, o cérebro por trás das letras e melodias da banda TV On the Radio. Duas chamadas da capa em um vídeo curto!

Ai você vira pra mim e fala: “Tá manolo, mas e ai? GRANDES BOSTAS!”.

Não, não é bem assim. O mercado europeu de revistas é o mais aquecido do mundo, e uma manifestação como essa de certa forma é revolucionária para o marketing desse tipo de produto que já foi ameaçado de extinção. Além de ser uma ótima ferramenta multimídia para lançar projetos novos, como é o caso da faixa “Tiger” que nunca havia sido escutada antes. E é uma forma delíciosa de se ouvir música. Pelo menos é o que os gringos acham, visto que o vídeo já teve mais de 1 milhão de visualizações em menos de uma semana no ar :D

#MM: I Blame Coco feat. Robyn – Caesar

Posted in #musicmonday, Música, Vídeos with tags , , , , , , , , on junho 21, 2010 by Jonatas

Pega uma italianinha de 20 anos que canta folk e new-wave e que é grandissíssima fã de electro-pop. Apresenta pra ela uma suiça quarentona, produtora de electro e ganhadora de um Grammy por performance ao vivo. Mistura as idéias das duas, grava uma canção simples com texturas interessantes e joga num vídeo mostrando as duas com maquiagens sobrecarregadas, cenas rápidas e slow-motions que encaixam no som, numa espécie de movimento revolucionário urbano…

É mais ou menos isso que podemos conferir em “Caesar”, parceria entre a novata Coco Sumner (também conhecida por I Blame Coco) e a veterana do euro-dance Robyn. Uma canção leve e cheia de harmonia, cantada com doçura e delicadeza por duas garotas esquisitinhas e lindas. Basta um refrão simples repetido diversas vezes para a música ficar o dia inteiro na sua cabeça.

Dá pra encontrar fácil no YouTube alguns remixes dessa faixa feitos por nomes de peso no cenário elecro mundial, como La Roux, Miike Snow ou Diplo, o que prova que existe algum potencial não é mesmo?

Também é possível conferir outras faixas no MySpace da I Blame Coco e da Robyn  :)

Discoteca: Pendulum – Immersion

Posted in Discoteca with tags , , , on junho 18, 2010 by Jonatas

Depois de um hiato de dois anos sem novidades, a mais fodida banda australiana Pendulum, que mistura drum’n’bass com new-metal (?!), acabou de soltar na rede o mais recente disco. Entitulado Immersion, o álbum trás 15 faixas intensas, dançantes e memoráveis. Muito mais maduro e melhor produzido, esse é provavelmente o melhor trabalho da banda até o momento.

A faixa de introdução “Genesis” mostra bem o que aconteceu com o Pendulum: eles recomeçaram. Mantiveram aquela identidade musical única e inovaram com melodias mais complexas mostrando isso através de uma ótima linha eletrônica calma que antecede toda a destruição sonora e masturbação mental que vem na sequência. Porque dai pra frente vem só porradaria, a começar pela agitadíssima “Salt In the Wounds” e suas incríveis bases synths sem um vocal que demarque a faixa, que já emenda no single de estréia, “Watercolour” e e e… Faz a gente viajar! Imaginar como serão os shows desses caras (que já são devidamente reconhecidos por suas performances ao vivo) e desejar que alguma produtora resolva traze-los de volta ao Brasil pra pelo menos uma apresentação.

Se você ainda não conhece Pendulum, tá na hora de conhecer. Dá pra ouvir fácil no MySpace Oficial e no Canal do YouTube da banda. E só pra dar um gostinho, o clipe de “Watercolour” que já está disponível por ai é lindão, sente só:

Ressurgindo das Cinzas…

Posted in Aleatórios with tags on junho 18, 2010 by Jonatas

Pois é… Depois de um tempo indeterminado desativado, o Musikaholic está de volta. E se tuuudo correr bem, dessa vez ele não pára mais!

Rolam novidades nesse re-re-retorno. Não serei mais o único a postar novidades (Bom, quem não sabe, eu sou o @jonatasfroes. Muito prazer!) sobre o mundo da música e bizarrices sonoras! O espaço agora está dividido em três para não sobrecarregar ninguém. O @filipemms e o @caoticagem à partir de hoje também comandarão essa parada aqui. E a coisa funcionará da mesma maneira: bandas novas, bandas brasileiras, bandas que ninguém conhece, discos clássicos, mercado musical e aquela xoxadinha no que é ruim.

Dúvidas, sugestões, críticas e tal, só deixar nos comentários. Ainda não temos Twitter, nem Orkut, nem Facebook, nem nada, mas se vingar iremos fazer ok?

Enjoy this fucking shit ;*